Como limpar meu capacete corretamente?

Como é de se saber, o capacete é um item fundamental para segurança e proteção do motociclista, que deve estar em excelentes condições para um bom uso.


A falta de limpeza desse item pode gerar doenças de pele e/ou respiratórias, se tornando assim um risco para saúde, isso porque o interior do objeto tende a acumular ácaros e micro-organismos que vem a partir do suor e do contato com o rosto do motociclista. Preservar e cuidar é muito importante para vida útil de um capacete (E para de quem usa também).




Com as altas temperaturas do verão, é natural que o motociclista transpire mais durante o uso, fazendo com que o capacete também tenha uma parcela do nosso suor acumulado, e se não limparmos… Já sabe né?


Mas espera aí, não vai chegar jogando o capacete no tanquinho que isso vai te causar mais problemas. Siga nossas orientações abaixo para uma limpeza ideal e correta, que não afete nem o uso, nem as condições físicas do mesmo.


Dividir as etapas da limpeza do capacete


Vamos começar a partir da limpeza interna, a do forro, que é o que mais tem contato com o motociclista.

Se o capacete tiver a forração removível, retire-a cuidadosamente, e comece a limpeza à mão com detergente neutro, você também pode utilizar a máquina de lavar, mas lembre-se de colocar no modo roupa delicada. Após a limpeza, o próximo passo é deixar na sombra em um lugar bem ventilado para secagem.


Forração não removível: Para os capacetes que não possuem a forração removível, o ideal é utilizar um pano úmido e detergente neutro para limpeza interna. Comece limpando suavemente e aplique em todas as áreas possíveis para maior higienização.

Após isso, deve-se deixar o capacete na sombra e em um lugar arejado com a abertura para cima ou para o lado (Nunca para baixo).


Um passo também importante de pós limpeza é não deixar o capacete em objetos que sejam compartilhados e que possuam fácil acesso de bactérias como mesas, cadeiras, bancos ou chão.

Tenha sempre em mãos um neutralizador de odores para manter o bom cheiro no capacete.


Parte Externa


Para a limpeza externa do casco, comece lavando com água corrente e sabão neutro, mas sem exagero para não acabar danificando a tintura. Após isso, finalize com a cera para dar um brilho e realçar sua beleza. Para viseira é importante lembrar de não utilizar esponja ou panos ásperos, portanto, seja cuidadoso e utilize panos macios.


Por fim, deixe o capacete em um lugar fresco e arejado para que seque naturalmente.

Após a secagem completa, é só subir na moto, colocar o capacete (agora limpo e cheiroso) e ir se aventurar!

3 visualizações0 comentário